Home » Seu Lar » Saúde » A tabela de crescimento infantil é fundamental desde a alimentação da mãe

A tabela de crescimento infantil é fundamental desde a alimentação da mãe

A tabela de crescimento infantil para meninos e meninas é usada há muitos anos por médicos para o acompanhamento do desenvolvimento infantil.

20/02/2009 15h49m. Atualizado em 28/04/2015 15h12m por:

 

Muitos pais e médicos adotam a tabela do crescimento infantil para avaliar o desenvolvimento da criança. Crescer é o maior indicador de saúde das crianças. Além da carga genética da família, o crescimento aponta o grau de nutrição, o funcionamento dos hormônios, a presença ou não de doenças crônicas e até o suporte afetivo da vida delas. Segundo a médica endocrinologista Ellen Simone Paiva, diretora do Citen, esse marcador de saúde vem desde a nutrição da mãe durante a gravidez, que pode influenciar o tamanho do bebê ao nascer.

Veja se seu filho está crescendo adequadamente de acordo com a tabela de crescimento infantil. Você pode imprimir e acompanhar o desenvolvimento de seu filho, sobrinho e etc. Para aumentar a imagem, basta clicar sobre a mesma.

Tabela de crescimento para Meninas:

tabela crescimento infantil meninas

Tabela para Meninas.

Tabela de crescimento infantil para Meninos:

tabela crescimento infantil meninos

Tabela para Meninos

4 fases da tabela por idades

Adolescentes: devido à ação dos hormônios sexuais, ocorre um estirão de crescimento, que chega por volta dos 11 anos nas meninas e dos 13 nos meninos. Após essa fase, há uma nova desaceleração até o adolescente atingir sua altura final (perto dos 15 anos para elas e dos 18 anos para eles).

4 anos: ocorre uma parada no ritmo de crescimento infantil, que vai ser retomado com força durante a puberdade.

2 anos: os fatores hormonais ganham importância no crescimento infantil. Por isso, as doenças tireoideanas, principalmente o hipotireoidismo, podem causar retardo nesse processo.

10 anos: o crescimento infantil na tabela é bastante acelerado nesse período, principalmente se for levado em conta que o bebê chega a quase dobrar de tamanho em relação ao nascimento. Depois, há uma desaceleração.

Aprendeu como funciona a tabela de crescimento para crianças? Comente!

 
 

 
Comente via Facebook!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *