Home » Seu Lar » Saúde » Descaso com Programa de Transplante Pulmonar de Minas Leva mais Um

Descaso com Programa de Transplante Pulmonar de Minas Leva mais Um

Devido ao descaso com o programa de transplante pulmonar de Minas Gerais, nossos amigos estão falecendo, e indo embora, deixando-nos um vazio na alma que está difícil de consolar.

29/08/2012 16h42m. Atualizado em 14/04/2015 17h13m por:

 

O transplante de órgãos, e em especial o de pulmão, é a chance da nova vida para muitas pessoas, que assim como eu, realizaram o transplante de pulmão e agora tem uma nova oportunidade para viver.

Mas infelizmente no estado de Minas Gerais, os pacientes que aguardam pelo transplante de pulmão estão sofrendo pela não realização da cirurgia, que em outros estados, como São Paulo e Rio Grande do Sul, já é feita há bastante tempo e tem salvado diversas pessoas, que só respiravam antes do transplante com a ajuda de um balão de oxigênio.

A demora que leva nossos amigos embora

E a situação no estado é alarmante, pois faz mais de um ano que o transplante pulmonar não é realizado, e nossos amigos que aguardam na fila estão piorando, devido à doença pulmonar que vai avançando ao longo do tempo. E muitos deles já estão enfrentando o quadro de depressão, o que agrava e muito a saúde deles.

Com isso, acabamos perdendo mais uma amiga, que era uma grande lutadora em prol de todos os amigos que aguardam o transplante pulmonar no estado de Minas, e que mantinha contato com tantos amigos e amigas no Brasil todo. Ela se chamava Célia Medeiros, sofria de fibrose pulmonar, e usava oxigênio domiciliar direto para que sua falta de ar fosse amenizada enquanto aguardava pelo transplante pulmonar, que lhe daria uma nova vida.

Vejam neste vídeo abaixo como nossa amiga Célia Medeiros estava comentando sobre o transplante pulmonar, que ela necessitava tanto, e que acabou não acontecendo devido ao abandono que o programa de transplante pulmonar de Minas esta sofrendo:

Reportagens já denunciavam o descaso

Nossa amiga chegou a dar entrevista para o site TV Alterosa, onde relatou o problema, e também participou do programa Brasil das Gerais, entre outros. E sempre focando na importância da doação de órgãos, e relatando o descaso que os pacientes enfrentavam no estado.

Hoje, neste dia 29 de agosto de 2012, a fila novamente andou, mas não temos motivos para comemorar, pois a fila do transplante pulmonar de Minas Gerais andou devido à partida de nossa amiga.

E com lágrimas nos olhos deixo aqui este relato, de que se nada for feito imediatamente, perderemos mais amigos e amigas para o descaso, e para a falta de compromisso dos órgãos responsáveis por cuidar de tantos pacientes que aguardam nesta fila que não anda como deveria.

Confira abaixo os vídeos que mostram a reportagem dada pela Célia ao programa Brasil das Gerais:

Descanse em paz minha amiga, sua luta não será em vão. Edilson Palancio, transplantado de pulmão, um brasileiro indignado com esta situação.

Edilson Palancio.

 
 

 
Comente via Facebook!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *